Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

|| DreamAchieve || Sports & Performance

Psicologia do Desporto e Performance || Coaching Desportivo e Empresarial || Formação

|| DreamAchieve || Sports & Performance

Psicologia do Desporto e Performance || Coaching Desportivo e Empresarial || Formação

  Não gosto muito de imprevistos. Preparar-me para uma coisa e acontecer outra, é algo que me afeta, mas ao longo do tempo tenho criado estratégias para me adaptar rapidamente.    Aprendo refletindo sobre o assunto, mas principalmente quando sou posta à prova num imprevisto que surja.    A maior prova foi a minha viagem aos Estados Unidos. Não devo ter sido a primeiro pessoa a passar por algo semelhante, mas até à data não conheço ninguém que tenha passado por algo assim.    Es (...)
    Estava a dar uma formação há pouco tempo, e fiz uma pergunta aos participantes: “Quem aqui quando vai para o ginásio, vai quase a arrastar-se, mas passado uns minutos de exercício a vontade começa a crescer, e no fim até vos soube bem ir?”    Estava esperançosa com as respostas. Queria falar sobre a importância da fisiologia, e da importância de não darmos ouvidos à força de vontade, que nem sempre vem, mas sim aos nossos objetivos.    Resposta 1: “Eu não vou (...)
24 Jun, 2018

DESPORTO MENTAL

É a pressão do jogo que me apaixona. Aquela sensação de que já não há mais tempo, de que só tens aquela oportunidade. É aquele momento decisivo que traz o melhor de mim. Que me faz assumir o potencial que tenho e dizer: “É agora!”    Dou o passo em frente, elevo-me, faço coisas que numa situação normal não faria.    Há quem diga que o desporto só melhora o físico, que é só para os músculos... Não é! É para a mente! É para a vida! É para que tenhamos a (...)
06 Jun, 2018

AGORA É QUE É!

  Há uns dias encontrei-me com uma amiga e ficámos a conversar uns minutos. Entre novidades e mudanças, ela disse-me: “Agora é que termino o mestrado de uma vez. Vou descongelar a matrícula em Setembro e acabar aquilo.”    Lembrei-me que já não era a primeira vez e até me senti a ser menos entusiasta com a notícia, porque já tinha ouvido isso um ano antes. E outras vezes... Ela é da minha idade.    Agora é que vou começar a ler mais. Agora é que vou começar a (...)
  Quando eu era mais nova e tinha a mania que devia experimentar tudo o que os meus amigos faziam, decidi começar a aprender a tocar guitarra clássica. O meu melhor amigo estava num conservatório e tocava super bem, então às quartas à tarde (tarde livre na escola), ele ensinava-me. Depois de me ensinar o básico , começou a ensinar-me músicas.    Uma das primeiras que me ensinou foi uma música dos Metallica chamada “Nothing else matters”. Eu não sabia as notas, aprendia (...)
“Vai ter que ser internada” – Disse-me a médica depois do resultado das análises voltarem.   “Não posso, amanhã tenho uma reunião importante, e vou trabalhar.. Não posso ficar aqui.” – Disse eu…   Às vezes estamos tão envolvidos com as nossas vidas, que parece que não ouvimos bem. Parece que a correria do dia-a-dia nos cega o discernimento.   Estava com tantas dores, que não conseguia andar direita.. Então fui às urgências… Dizem-me que tenho que ser (...)
  Há uns dias atrás estive presente num evento da Prozis (Prozis Meet Up 2018) para falar sobre Motivação, um tema que a mim especialmente me dá algum receio falar... As pessoas procuram fórmulas mágicas para estarem motivadas e depois de perceberem que não é bem assim, desiludem-se um pouco com aquilo que tenho a dizer sobre Motivação.    Antes de mais estive imenso tempo para decidir o que ia dizer... Como ia inspirar pessoas em apenas 15 minutos a falar de um tema tão (...)
  Estávamos em preparação para o europeu de sub-20, já numa fase de fazer alguns jogos-treino internacionais. Os árbitros conheciam-me por reclamar e ser muito reativa às decisões deles que eu não concordava... Era a minha forma de libertar alguma tensão também. Neste jogo foi diferente. Eu era capitã de equipa, mas não foi por isso... Havia outro motivo.    Acaba o jogo, e um árbitro, bastante conhecido no basquete até hoje, aproximou-se disse: "Ouve lá!" - com um (...)
    No outro dia passei este vídeo numa formação, para demonstrar aos participantes, que eram todos treinadores, o que era ir até ao limite.   O que é necessário para que alguém, no seu perfeito juízo, se esforce de tal forma ao ponto de desmaiar, cair, ficar sem forças? O que é necessário para que alguém chegue ao seu limite? E o que é realmente o limite?   Aquele rapaz que desmaiou a correr na passadeira, hoje é Personal Trainer... Qual o elemento secreto que fez (...)
    “No início do ano, quando vim para cá, sabia que tinha tomado uma boa decisão, porque estava a evoluir... Mas agora há umas semanas, talvez um mês e meio, parei, estanquei... Não sei se foi bom ter vindo para cá afinal.”   Atleta com clara desmotivação, triste e com a prestação abaixo do normal. A apatia era tal que eu já não conseguia distinguir se era o mau desempenho que gerava a tristeza, ou se era a tristeza que fazia com que treinasse e jogasse mal.    Acha (...)