Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

DreamAchieve

Psicologia, Coaching PNL e Desporto

DreamAchieve

Psicologia, Coaching PNL e Desporto

ENTREVISTA: JÉSSICA ALMEIDA

Foto entrada.jpg

Esta semana a DreamAchieve esteve à conversa com a Jéssica Almeida, atleta internacional portuguesa, que na semana passada foi campeã do torneio da conferência pela sua Universidade nos Estados Unidos, marcando o ponto da vitória no último jogo da época.  

 

DA: Jéssica como foi o teu percurso como atleta?

JA: Eu comecei a jogar basket no Lousanense, o clube da terra onde eu cresci. Lousã é uma pequena vila nos arredores de Coimbra. Comecei aos 5 anos na Educação Física na Escola Primária e depois acabei por juntar o clube. Joguei no Lousanense até Iniciada de primeiro ano. Foi a altura em que fui chamada pela primeira vez para a Seleção Distrital. Depois de ir algumas vezes à Seleção Distrital, recebi um convite do Olivais, e decidi aceitar. Não foi uma decisão fácil, pois o Lousanense foi o clube que me criou e onde tudo começou, mas eu sabia que ir para o Olivais era o primeiro passo para eu subir na minha carreira.

 

IMG_0545.PNG

Joguei no Olivais até ao meu penúltimo ano em Portugal, joguei um ano em Algés, e depois vim para os Estados Unidos.

IMG_0501.JPG

 

À parte do percurso nos clubes, fui recrutada para o CNT (Centro de Treino) no meu primeiro ano de Cadete, onde evolui imenso, e posso mesmo dizer que sem essa experiência não estaria onde estou hoje. Daí começou a Seleção Nacional, onde fiz todos os escalões de sub-16 até Sénior. No meu primeiro ano Júnior também integrei um ano no CAR Jamor.

 

Os momentos mais altos posso dizer que foram: Campeonato Nacional de Juniores; Vice-Campeã pelo Olivais; Campeã Nacional pelas Seniores no Algés; e Campeã Nacional aqui na Marian University.

 

IMG_0493.JPG

 

DA: Tens competido a um grande nível nos Estados Unidos, e mesmo noutras equipas, tiveste sempre a competir por títulos. Durante este percurso, e ainda nos dias de hoje, quando surgem dificuldades, derrotas, dúvidas sobre se vais conseguir alcançar os teus objetivos, como ultrapassas esses momentos?

JA: Sinto que cresci imenso nesse aspeto, em termos de simplesmente viver o momento, em vez de deixar os nervos consumirem-me. Quando era mais nova por vezes ficava muito nervosa e só quando a bola fosse para o ar é que me conseguia acalmar, e à medida que o jogo fosse avançando eu ganhava mais confiança. Hoje em dia sou capaz de entrar para um jogo importante muito mais relaxada desde o inicio, e de ao mesmo tempo me divertir a jogar.

 

IMG_0498.JPG

 

DA: Qual foi o momento desportivo que mais te marcou como pessoa?

JA: Eu diria Campeã Nacional aqui na Marian University, porque é uma dimensão totalmente diferente. Para além de serem muito mais equipas num país muito maior, o sistema deles de Campeonato Nacional também é muito mais difícil. São inicialmente 5 jogos e se se ganha continua-se, mas se se perde, acabou ali. Para mim ter um nível máximo de consistência durante 5 jogos seguidos acho muito mais difícil do que um sistema de Playoffs, onde se não se estiver num dia tão bom, e se se perder um jogo, ainda se tem mais oportunidades. 

 

IMG_0497.JPG

Portanto devido a dimensão do país, e ao grau de dificuldade, ganhar um Campeonato Nacional aqui marcou-me muito e foi uma sensação incrível. Assim que ouvi o apito final chorei que nem um bébé e lembro-me de me sentir exausta física e mentalmente. Chorei de não acreditar que tínhamos conseguido, e ao mesmo tempo de estar tão exausta e saber que tinha chegado ao fim. Chorei porque me lembrava do dia 1, de treinos às 6 da manhã, e sentir naquele momento que tudo compensou foi a melhor sensação do mundo.

 

IMG_0491.JPG

 

DA: Que aprendizagens do desporto aplicas na tua vida diária?

JA: Disciplina. Aprendi maioritariamente a aplicar disciplina dentro e fora de campo no CNT com um senhor chamado Ricardo Vasconcelos. Ele fez-nos ver que disciplina é importante para toda a vida. Na altura ficávamos chateadas e não fazia sentido, mas agora percebo.

 

17199062_1419233114787641_1824106216_n.jpg

 

DA: A DreamAchieve promove a importância de temas de Coaching e Psicologia no Desporto. São abordados temas que afetam diretamente a Performance Desportiva através do Treino Mental… Qual foi a importância destes temas na tua prática desportiva?

JA: Estes temas não só são importantes, como são fundamentais para qualquer atleta que pretenda chegar ao nível profissional. Antes de se contruir um atleta tem que se construir uma pessoa.

 

17197878_1419231254787827_412768387_n.jpg

 

DA: Que conselho darias a todos os atletas que também lutam diariamente pelos seus sonhos?

JA: Diria para nunca se esquecerem de se divertirem a jogar. Uma pessoa consegue divertir-se e estar concentrada ao mesmo tempo. Isso para mim tem sido fundamental e faz uma grande diferença.

 

IMG_0499.JPG

 

Em apenas uma frase diz-nos:

 

Momento mais alto da tua carreira:

Campeã nacional pela Marian University.

 

Pessoas mais importantes no teu percurso:

Família, Ricardo Vasconcelos e José Araújo.

 

Lugar preferido no mundo:

Lisboa.

 

O que queres fazer agora quando terminares a tua carreira desportiva?:

Trabalhar numa empresa relacionada com o basket.

 

Frase que te caracterize:

As melhores vitórias são sempre as mais suadas.

 

17141145_1419232144787738_151578099_n.jpg

 

 

 

Segue-nos no Facebook da DreamAchieve 

fb.png