Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

|| DreamAchieve || Performance Coaching

Psicologia do Desporto e Performance || Coaching Desportivo e Executivo || Formação

|| DreamAchieve || Performance Coaching

Psicologia do Desporto e Performance || Coaching Desportivo e Executivo || Formação

ENTREVISTA: TICHA PENICHEIRO

image1.PNG

 

 A DreamAchieve teve o grande privilégio e oportunidade de entrevistar Ticha Penicheiro, a melhor atleta portuguesa de basquetebol de todos os tempos. Com carreira feita na WNBA e nas Ligas mais fortes da Europa, Ticha adquiriu um percurso e experiências únicas. Hoje, nos Estados Unidos, atua como agente desportiva com grande sucesso. 

 

DA: Ticha, por onde foi o teu percurso como atleta? 

Comecei a jogar com 6 anos, com o meu pai e irmão. Aos 8 ingressei no mini basket do Ginásio Figueirense, clube na Figueira da Foz. Com 16 anos fui para Rio Maior para jogar com a seleção de cadetes durante um ano e aos 17 fui para o União de Santarém. Aí joguei 2 anos e com 19 anos parti rumo aos Estados Unidos para jogar pela Universidade de Old Dominion.

 

ticha1.jpg

 

4 anos mais tarde, depois de acabar a universidade, fui escolhida pelas Sacramento Monarchs da WNBA.
Após 15 anos a jogar na WNBA e em vários países da Europa, retirei-me em 2012.

 

ticha14.jpg

 

DA: De que forma o desporto moldou o teu caráter? O que não serias sem ele? 

Com o desporto desenvolvi o espírito competitivo, lutador, guerreiro.. Também me ajudou na minha independência. Sempre tive um forte apoio familiar para jogar basket e com 16 anos saí de casa atrás dos meus “sonhos basquetebolisticos” ....e nunca mais voltei.

 

ticha11.jpg

 

O desporto ajudou-me a desenvolver o espírito de sacrifício e saber que nada nesta vida vem fácil.

 

Temos que trabalhar para conseguir objetivos, mas no fim vale a pena o esforço feito. O basket ajudou a desenvolver o meu carácter, mas mais importante foram os valores que os meus pais me deram.

 

319full-ticha-penicheiro.jpg

 

DA: Quais consideras serem as três características principais dos atletas que fazem a diferença? 

Espírito competitivo elevado, vontade de trabalhar máxima e ser bom companheiro de equipa.

 

ticha6.jpg

(Ticha a receber o prémio pela sua assistência número 1000 na WNBA. Depois disso continuou a bater recordes em assistências.)

 

DA: O que mais admiras num treinador? 

Que se prepare no dia-a-dia para ajudar os seus atletas: física, táctica e mentalmente.
Que trate todos os jogadores da mesma maneira e que saiba distinguir como rentabilizar ao máximo o talento de cada jogador.

 

Ticha+Penicheiro+Los+Angeles+Sparks+v+Phoenix+UXEP

 

DA: Como agente desportiva, que experiência consegues passar às atletas com quem trabalhas?

Para mim é fácil dar conselhos às minhas jogadoras, porque eu já estive no lugar delas e já passei pelo que estão a passar. Sejam as dificuldades que sejam, eu consigo relacionar e dar conselhos positivos para que ultrapassem a situação, baseados na minha experiência.

 

ng8728690.JPG

 

DA: Sabendo o que sabes hoje, o que dirias à Ticha que estava apenas a começar o seu percurso? 

Pois olhando para trás, não tenho arrependimentos nenhuns. Penso que o conselho que daria, seria para dar exatamente os mesmos passos!! :)

 

phpThumb.jpg

 

DA: O que acrescentarias ao basquetebol português?

Penso que o basquetebol português está no bom caminho. Os resultados dos últimos anos são indicação de isso mesmo. Mas se posso dar um conselho, dou à juventude: que se gostam mesmo de basquetebol, para continuarem a dar o máximo. Penso que nos dias de hoje há muitas distrações e a “miudagem” não leva o basket tão a sério como deveria...

 

ticha5.jpg

 

DA: A DreamAchieve é um projeto baseado em conhecimentos de Psicologia e Coaching no Desporto, que promove a importância da componente mental, tanto no desporto como também na vida quotidiana. 

Para ti, qual a importância de falar destes temas como superação, limite, motivação, reação ao erro, foco e outro?

Penso que é importante haver alguém que trabalhe com os jogadores no aspecto mental/psicológico.

 

Acho que o desporto não é só físico, mas é MUITO mental e por vezes muitos jogadores podem tirar proveito de alguém que ajude a trabalhar esse aspecto da mente, que muitas vezes não se treina no dia-a-dia.


Como lidar com os blocos que a mente provoca e que inibe um atleta de alcançar a máxima performance, como por exemplo a falta de confiança nele/nela própria. Falar com alguém que te ajude a superar essa barreira é super importante para alcançar objetivos máximos, porque muitas vezes penso que é difícil os atletas conseguirem fazê-lo sozinhos.

 

0.jpg

 

EM UMA FRASE DIZ-NOS:

 

Pessoas que mais influenciaram o teu percurso positivamente: A minha família sem dúvida! O meu pai e irmão foram a razão pela que comecei, e sem o apoio incondicional deles nunca teria arriscado partir para os EUA. 

 

Lugar preferido no mundo: Figueira da Foz (e Miami)

 

Se não tivesses sido atleta o que terias sido: Veterinária

 

O que mudarias em ti: Gosto de mim como sou!! :)

 

Frase que te caracterize: A vida são 2 dias...aproveita cada dia ao máximo. (Carpe Diem)

 

 

Clica aqui para veres alguns dos melhores momentos da Ticha. Será que vai surgir alguém que passe a bola como ela?

 

penicheiro_300_060204_Widner_NBAE_Getty.jpg

Podes seguir a Ticha nas Redes Sociais

 

Facebook

Instagram

Twitter 

 

 

 

 

 

 

Segue-nos no Facebook da DreamAchieve 

fb.png