Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

|| DreamAchieve || Performance Coaching

Psicologia do Desporto e Performance || Coaching Desportivo e Executivo || Formação

|| DreamAchieve || Performance Coaching

Psicologia do Desporto e Performance || Coaching Desportivo e Executivo || Formação

ESTAMOS AQUI!

image.jpeg

 

No primeiro ano que estive em Madrid, foi muito difícil adaptar-me. A meu ver não era suposto estar ali... Tinha recebido um convite para os Estados Unidos, tinha estado lá a treinar, mas em termos burocráticos não pude receber a bolsa completa que me tinham oferecido.

 

Só tinha uma hipótese, ir para Madrid, porque a única universidade a que me tinha candidatado era lá.

 

Lembro-me de chorar imenso no início.. Ia às aulas e não entendia nem metade. Uma particularmente em que o professor não tinha material, nem Slides, nem documentos, nem Manual... O que ele falava era o que saía no exame.

 

Saia de casa de manhã cedo para o primeiro treino, e era das que menos estava em forma.

 

Fazia treino extra e ginásio para perder peso enquanto elas tomavam banho e iam almoçar. Quando elas estavam a sair do refeitório estava eu a ir tomar banho. Não me dava muito com elas também porque não sabia falar espanhol muito bem....

 

Tomava banho, almoçava, pegava nas minhas coisas e ia para as aulas.

 

Saia das aulas a correr para o treino da noite, então também não tinha amigos na universidade.

 

Ia treinar e outra vez estava atrás de todas. Saía do treino e ia para casa logo, porque era longe do centro da cidade, e não podia chegar tarde. Tinha que descansar para o dia seguinte...

 

Estava triste, com tudo aquilo, sentia-me sozinha, não encaixava... Mas eu queria ultrapassar tudo isso e continuar a perseguir os meus sonhos.

 

Um dia tive um momento que mudou a minha perspectiva de tudo o que estava a acontecer.

 

Estava a voltar da universidade, de comboio, e ia sentada de lado, mesmo de frente para uma janela enorme que dava uma vista para uma paisagem natural, onde estava o sol a pôr-se.

 

A universidade ficava deslocada do centro, e no caminho passávamos por uns campos planos...

 

Fiquei a olhar e decidi esquecer tudo de negativo naquele momento... E veio uma Voz:

 

"Estás aqui. Estás a perseguir o teu sonho. Estás a jogar numa equipa da Liga Espanhola, nem todos poderão dizer isso um dia. Estás a tirar o teu Mestrado numa Universidade espanhola, nem todo terão essa oportunidade. Sabes o quanto estás a crescer? Sabes quantas histórias terás para contar? Sabes quantos irás inspirar? Ajudar? Porque não te agarras a isso?"

 

E em 2 minutos comecei a sorrir sozinha, as lágrimas vieram-me aos olhos, e comecei a achar tudo espetacular!

 

Eu estava ali!!!!

 

E tu... Tu estás aí! Quem sabe cheio de circunstâncias a que chamas negativas... Mas lembra-te que aquilo a que possivelmente chamas de mau, pode ser o sonho de alguém.

 

O importante nestes nossos caminhos, é que sempre tenhamos algo para almejar.

 

Insatisfação é sinal que quero crescer, não motivo para me entristecer.

 

Levanta a cabeça! Força! Tu estás aqui!

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.