Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

|| DreamAchieve || Performance Coaching

Psicologia do Desporto e Performance || Coaching Desportivo e Executivo || Formação

|| DreamAchieve || Performance Coaching

Psicologia do Desporto e Performance || Coaching Desportivo e Executivo || Formação

FALAR É FÁCIL...

27394301_10215378633809281_1375182195_n.jpg

 

Há umas semanas atás, estava a meio de uma sessão com uma atleta, e parecia que estávamos a ir bem a delinear um Plano de Ação para ela começar a agir de acordo com os objetivos que me disse que queria atingir. Só que, do nada, diz-me a frase que mais estraga planos, objetivos e sonhos: 

 

"Falar é fácil."

 

Até me ri e concordei, mas fiquei a pensar naquilo e como as palavras que dizemos, por vezes até com inocência, podem ser tão prejudiciais e podem destruir tudo o que construímos.

Já não era a primeira vez, e desde esse dia, também não foi a última que me disseram essa frase, que atualmente a defino como "uma das piores frases para quem quer evoluir"... no que quer que seja. 

 

Imagina pessoas como o Cristiano Ronaldo, Usain Bolt, Simon Biles, Michael Phelps, Steve Jobs, Bill Gates, Nelson Mandela, e outros que fizeram e alcançaram coisas fora do padrão, no momento de desafios dizerem: "Isso é fácil dizer, difícil é fazer." Estranho não é? Essa atitude não condiz minimamente com uma pessoa que faz coisas extraordinárias. 

 

E tu por vezes, com coisas simples, como quando um professor te ensina algo, quando um treinador te pede para fazer um determinado movimento, quando um preparador físico te pede para fazer um exercício, quando um médico te pede para cuidares da tua saúde, tu dizes "Falar é fácil..." 

 

Primeiro, estás a abrir uma porta de emergência, a deixar disponível uma desculpa para quando a precisares usar num momento de dificuldade. Só isso retira-te força para quando surgir um obstáculo, o superares. Quando a desculpa te dá um plano B, é mais fácil abandonar o Plano A. 

 

Segundo, estás a demonstrar que não queres realmente mudar. O tipo de coisas que uma pessoa diz no momento de desafio, aquela primeira reação, mostra muito o que está dentro delas. Quem quer, diz logo que vai fazer, e por vezes erra por excesso. Quer fazer mais do que devia e quer saber antes do tempo o que vai fazer nos passos seguintes sem realizar os primeiros. 

 

Terceiro, essas pessoas que falam contigo, a quem tu dizes "Falar é fácil", o trabalho delas, bem como o meu, é mesmo esse... Falar! E acredita, não é fácil. É preciso trabalho para sabermos do que estamos a falar. Fácil é dar um conselho qualquer, dar uma direção ou um bitaite qualquer. 

 

O Tony Robbins costuma dizer que para nos tornarmos excelentes em algo temos que realizar Ações Massivas Constantes... Mas parece que estamos numa era de Desculpas Massivas Constantes. 

 

Elimina esse tipo de frases do teu vocabulário. Falar é fácil... Não é bem assim... Ninguém me entende... Esta linguagem não condiz com os teus objetivos. Condiz com o tipo de pessoa que vai envelhecer a queixar-se de tudo sem ter alcançado nada.

 

Vamos a isso! Quero fazer mais e melhor! O que preciso fazer? Quero ser diferente e destacar-me, então estou disposto a tudo. Dói agora, mas vai compensar depois. Vou influenciar o meu grupo de forma positiva. Ainda que ninguém queira, eu quero. Ainda que ninguém faça eu faço... 

 

Quantas vezes estas frases são ditas por ti? 

 

Começa por dizê-las mais. Começa a rodear-te de pessoas que as dizem. E acaba criando coerência entres essa nova linguagem e as tuas ações. Só isso vai fazer mais de metade do trabalho. 

 

Até para a semana 

 

 

 

Realiza o nosso

Programa de Treino Mental ATHLETE'S MIND

AM-Final-Logo-Cara-01.jpg

 

 

Segue-nos no Facebook

fb.png

 

Informação sobre Eventos e Formações 

Apresentação.jpg

 

Ouve o nosso Podcast

HPH.png