Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

DreamAchieve

Psicologia, Coaching PNL e Desporto

DreamAchieve

Psicologia, Coaching PNL e Desporto

ISSO SÃO HISTÓRIAS...

image.jpeg

 

Alguma vez conseguiste olhar para dois lugares ao mesmo tempo. Mesmo tendo dois olhos, o ser humano só tem a capacidade de olhar para um foco ao mesmo tempo, e para aí flui a sua concentração.

 

Existem pessoas que se concentram apenas naquilo que é negativo, ou naquilo que não podem controlar, ou (e este é o mais divertido de ver) naquilo que acreditam e querem provar.

 

Todos nós temos certas crenças que determinam os nossos pensamentos, discurso e comportamentos. Crenças relacionadas a raça, a género, a cultura...

 

Por exemplo, existe a crença de que as mulheres não sabem conduzir, o que impede, para quem tem essa crença, de ver um homem que conduza mal, ou uma mulher que conduza bem. Essa pessoa ignora esses dois factos, mas quando de vez em quando aparece uma mulher que conduz mal, diz: "Eu não digo que as mulheres são péssimas condutoras? É sempre assim!"

 

Existem crenças de que os políticos são todos corruptos. Isso impede que vejamos um bom político quando ele surge, e que vejamos que qualquer outra pessoa pode também ser corrupta, independentemente da sua profissão. E quando um político se envolve em corrupção, o que diz essa pessoa?: "Eu não disse? São todos uns corruptos, é sempre assim!"

 

Existe a crença de que todos os árbitros são maus árbitros, todos roubam. E torna-se impossível de ver quando um árbitro apita o jogo sem qualquer erro. Mas quando surge um, o que se diz?: "Os árbitros são todos ladrões! É sempre assim!"

 

Existem crenças ainda mais fortes, que um dia já provocaram guerras, mortes, ódio, ofensas... Que provocaram holocaustos, escravidão e leis sem direitos de igualdade.

 

E também existem crenças mais subtis, em cada um de nós, que nos impedem de sequer agir de acordo com os nossos objetivos.

 

Crenças como "Na minha família todos são assim, sem paciência, é por isso que também não tenho"; "Eu não consegui conquistar os meus objetivos, não é hoje com esta idade que o vou fazer"; "Sempre fui o menos inteligente dos meus irmãos".... E por aí vai.

 

Crença é algo que acreditamos, que o tornamos verdade na nossa realidade mental, e que nos impede de tomar certas atitudes que nos fariam felizes.

 

Traduzindo, são as histórias que nos contamos a nós mesmos quando por algum motivo fazemos asneira.

 

Quando falhamos, temos sempre uma história pronta para contar às pessoas, para parecermos as vítimas.

 

Qual é a história que te contas a ti mesmo? Aquilo que sempre dizes quando fazes ou deixas de fazer algo de que te arrependes.

 

Quando admitires que essa história é ficção, escreverás uma nova, e esta será baseada em factos reais.